Há indicativos de que Bolsonaro cortará relações com Venezuela e Cuba

Foto Reprodução

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) concedeu uma entrevista para o jornal Correio Brasiliense onde afirmou não ver razão para manter relações diplomáticas com Cuba. Ele entende que o país caribenho desrespeita direitos humanos e questiona que tipo de “negócio” os países poderiam fazer.

“Qual o negócio que podemos fazer com Cuba? Vamos falar de direitos humanos? Pega uma senhora que está aí de branco, que veio no programa Mais Médicos… Quem vem para cá de outros países ganha salário integral. Os cubanos ganham aproximadamente 25% do salário. O resto vai para alimentar a ditadura cubana?”, questiona.

Informações: Gospel Prime