Em Aparecida o Arcebispo detona a direita, mas presença de Bolsonaro o faz moderado

Após parte da imprensa baiana divulgar massivamente que o presidente Bolsonaro, não vai ao Vaticano porque sua esposa Michele Bolsonaro é evangélica e teria criado problemas. Mentira! Na verdade o papa Francisco é uma esquerdopata idiotizado, usando a fé para fins ideológicos e políticos partidários. A prova disso é que neste sábado (12), comemora-se pelos amigos católicos o dia de “nossa” senhora Aparecida como padroeira do Brasil, e Bolsonaro cumpriu agenda na basílica de Aparecida.

A prova maior do que Bolsonaro passaria um treinamento constrangimento “papal”, ocorreu na missa em Aparecida.

Veja:

‘Após criticar direita, arcebispo ‘adapta’ discurso com Bolsonaro em Aparecida
Após criticar direita, arcebispo ‘adapta’ discurso com Bolsonaro em Aparecida.

Oarcebispo de Aparecida, dom Orlando Brandes, criticou a direita, a quem chamou de violenta e injusta”, na missa da manhã deste sábado (12) em homenagem à padroeira do Brasil, no Santuário de Aparecida (SP). “Temos o dragão do tradicionalismo. A direita é violenta, é injusta, estamos fuzilando o papa, o Sínodo [da Amazônia], o Concílio Vaticano 2º”, afirmou.

Dom Orlando “adaptou” o sermão, porém, na celebração da tarde, que tinha entre os ouvintes o presidente Jair Bolsonaro.
“Lembrei dos dragões das ideologias. Ideologias são interesses pessoais tanto da direita, quanto da esquerda”, disse dom Orlando.

Segundo a assessoria da basílica de Aparecida, Bolsonaro é o primeiro presidente em exercício a visitar o templo no dia da padroeira. Outros presidentes que visitaram o local o fizeram quando candidatos…”

Registro aqui, meus respeito pelos irmãos católicos, bem como a sua fé. Afinal vivemos em um país livre e democrático, onde todas as correntes tem o direito de fazer ouvir sua voz, mormente se faça com ordem e decência.

Clarivaldo Pessoa
CEO-Jornal e Site Conexão Baiana Notícias
Coaching Life & Executive
Um Eterno Flagrante do Óbvio

CB Notícias, em um segundo tudo pode mudar!